"A todos os amigos e visitantes de passagem por esse meu mundo a preto e branco lhes desejo um bom entretenimento, seja através de textos com alto teor poético, através de fotos que uso para compor esse espaço ou das notas musicais na voz de Nara Leão... que nem vejam passar o tempo e que voltem nem que seja por um momento!"

2 de abr de 2011


A mesa do casal de idosos guarda agora apenas um.
Está vestido de negro, e eu não consigo evitar a imagem da mulher,
sentada ainda a seu lado, servindo-lhe chá e torradas
ou aparecendo atrasada repetindo como há anos o fiel toque de lábios,
desculpando-se num sorriso pela demora na quermesse.
Agora é apenas ele quem cumpre o ritual das torradas
que barra e pousa num prato à frente do fantasma dela.
Alguém lhe vai ter que dizer que ela já foi à frente.
Alguém lhe vai ter que lembrar que ele é quem está atrasado.

João Luís Barreto Guimarães

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não creias nos meus retratos, nenhum deles me revela.
Os meus retratos são vários e neles não terás nunca o meu rosto de poesia.

Gilka Machado