"A todos os amigos e visitantes de passagem por esse meu mundo a preto e branco lhes desejo um bom entretenimento, seja através de textos com alto teor poético, através de fotos que uso para compor esse espaço ou das notas musicais na voz de Nara Leão... que nem vejam passar o tempo e que voltem nem que seja por um momento!"

9 de out de 2011



E a música parou

Rabiscou partituras no corpo
e dançou como se fosse bailarina e menina
desejou ter o alcance do som
e pudesse estar em magia
e essa falta que ela sentia
pensou ser destino

onde anda aquele menino
que contava poesia pra ela?
e a melodia que vem da janela e ecoa na noite...

Esse vazio… Uma falta de pele… uma falta de jeito…
Não entendeu direito… mas seguiu ouvindo a canção
e no peito esse aperto de mão, te espremendo, tirando de mim
A canção que fala de amor, de alguém que no fim não voltou...

Rabiscou partituras no corpo e a música parou…

Mariana Gouveia

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Não creias nos meus retratos, nenhum deles me revela.
Os meus retratos são vários e neles não terás nunca o meu rosto de poesia.

Gilka Machado